É preciso ter clareza na defesa de Lula e os princípios políticos do PCO

bom uma coisa que chama atenção na  nessa discussão sobre o lula é a  posição de um setor da esquerda pstu e  em primeiro lugar mas em geral vários  setores da esquerda sobre abril se o  debate deve se defender do lula ou não  então eu acho importante entrar nesse  debate porque não tanto porque essas  posições aqui merece um grande  crédito acho que elas estão  desacreditadas mas mais porque é  preciso ter clareza na na questão em si   a primeira coisa que eu queria dizer o  seguinte esse problema de se deve ou  não deve defender o lula é uma  questão bem mais simples do que é  colocada por esses setores de esquerda  é para eles você teria que analisar  toda a história política do lula o que  ele fez o que ele não fez ver a ficha  criminal dele e tudo mais  não é assim esse é um erro  metodológico completo da esquerda  a questão é mais simples é mais ou  menos assim  essa semana foi pouco foi publicado na  internet um vídeo que mostra um dos  urubus do metrô é metendo um soco na  cara de uma mulher né  nós já denunciamos e se aguarda do  metrô aí que é uma guarda  fascistóide várias vezes e perdemos a  solução dessa guarda várias vezes que  é esse daí a polícia privada no  brasil já existe polícia e não é uma  polícia vozinha então pra que você  vai ter uma uma outra polícia uma tropa  de choque dentro de uma empresa que fica  sediando passageiros perseguindo lá os  camelôs entretanto  embora exista mas enfim é considerada a  meter uma meter um soco na cara da  mulher é uma coisa é bastante brutal  como a gente viu no vídeo  o problema é o seguinte nós enquanto  partido operário não defendendo  devemos defender a mulher  o antes de defender a mulher levou soco  não devam fazer uma pesquisa sobre a  vida pregressa dela  é uma coisa tem que estar condicionada  a outra não  e se nós descobrimos que a mulher foi  condenada por tráfico de drogas roubo  prostituição  sei lá o que muda alguma coisa  não vamos aceitar que o guarda no  metrô vá lá e meter a porrada uma  mulher entrou no metrô ou seja ela quem  for  você nota defendendo essa mulher que a  gente conhece ela gosta dela ela é  parente nossa amiga nossa colega de  trabalho não também nunca vi aquela  mulher não sei que ela é a única  coisa que eu sei que o agente da  repressão da estatal na guarda do  metrô uma corda que não deveria nem  existir  é numa discussão lá vai lá e para se  impor sobre a população ele usa esse  método violento ea gente condena é uma  coisa simples se a polícia persegue os  camelôs na rua  nós não vamos também contratar uma  agência de detetives para ver quem são  esses camelôs não é se a polícia  mata uma pessoa como acontece quase que  cotidianamente na periferia de são  paulo  nem interessa nem interessa para nós  para nos opor saber se a pessoa cometeu  um crime não interessa  nós estamos contra e ponto vamos supor  que o cidadão que foi morto na quinta  feira  aí não sei na cidade tiradentes são o  estuprador um crime que todo mundo olha  com repugnância  não vamos aceitar que ele seja  assassinado pela polícia na no beco  escuro e com tiro na cabeça não  o problema do lula sps se está sendo  realizado aqui uma injustiça do estado  capitalista contra um determinado  indivíduo  nós temos que ser conta e ponto final  isso é uma coisa que uma parcela da  esquerda não consegue entender  eles não conseguem entender que um  partido operário  ele deve defender todas as vítimas de  arbitrariedade do estado sejam elas de  qualquer classe social forem vejam bem  vamos prestar bem atenção nessa ideia  sejam elas de qualquer classe social  folha  não precisamos nós não estamos aqui  só para defender as pessoas da classe  operária de ataques do estado  não há essa ideia logicamente não é  minha é isso que o lê nem fala num num  dos livros mais importantes dele  condenando uma parte da esquerda russa  que é o que fazer  ele fala com o partido revolucionário  deve se interessaria todas as classes  sociais e deve defender todas as  vítimas de arbitrariedade  [Música]  é uma coisa que muita gente não sabe  é que uma das campanhas mais marcantes  do partido bolchevique no parlamento  russo que era um parlamento de fachada  né estabelecido pelo czar era uma  campanha defenda em defesa das seitas  religiosas na rússia havia igreja  ortodoxa ea igreja ortodoxa perseguia os  pequenos grupos religiosos evangélicos  e outro natureza de 60 e tal e partido  bolchevique defendia esse pessoal  entre os textos do enem tem uma  discussão em que a pancada do partido  bolchevique se junta com uma bancada de  setores camponeses religiosos porque  eles como a religião estatal eles  queriam que o enterro das pessoas e  certas ações da igreja ortodoxa fossem  gratuitas  então partindo você vai lá e defende  que na igreja oficial ortodoxa as  reivindicações dos membros dessa  igreja ortodoxa que o partido você vê  que não era favorável a ela fosse uma  igreja estatal porque logicamente  defendeu um estado laico  eles defendiam  que esses setores não tivesse que pagar  por determinado os ritos da igreja  porque é uma luta contra a injustiça  só através da luta democrática né a  luta democrática nesse sentido a nota  contra as arbitrariedades do estado  contra todos os setores populares é que  você pode criar um movimento  revolucionário forte para derrubar o  estado arbitrário existentes no país  como é que como é que você pode  explicar educar politicamente a classe  operária se você não mostra as  mazelas do estado opressor e arbitrário  é impossível  como é que você pode tocar com as  operárias se você é conivente com uma  parte dessas mazelas se quando há o  ataca o fulano que você por algum  motivo acha que é muito boa pessoa  você defende fusão mas quando atacou  com ciclano que você já não gosta  dele você não defende como é que  você vai educar o povo a lutar contra  as arbitrariedades contra uma ditadura  que existe contra a ditadura seja do  estado do czar seja do estado  capitalista tradicional não há como  como é que a população vai entender  mas você defende aquele mas defende  aquele outro então nós só defendemos  determinadas pessoas não é que nós  defendemos um programa de de de manta na  pela pelos direitos democráticos da  população  a função da defesa desse programa  função principal é que a população  aprenda né a entender conhecer o  caráter arbitrário e ditatorial  autoritário do estado sobre o qual ela  vive essa é a função a função  educação política a função dessa  luta por exemplo para nós se fecharem  por exemplo proibir em de funcionar uma  igreja evangélica embora nós não  tenhamos simpatia nenhuma pelas igrejas  evangélicas nós vamos colocar contra  é isso que muita gente não entendeu na  política do pessoal quando defendeu  princípios relacionados com pessoas  desagradáveis  então uma pessoa desagradável vamos  deixar que o estado seja arbitrário com  essa pessoa  então nossa política não é essa aí  por exemplo a prisão do do deputado  paulo maluf essa semana é um episódio  menor  o pessoal correu lá pra não só apoiar  a prisão dele como cassar o mandato de  deputado  nós vamos fazer isso aí porque o maluf  é uma figura sinistra da época da  ditadura  não que é evidente que se o maluf  fosse uma figura poderosa do regime ele  não sofreria esses abusos que ele está  sofrendo na época que ele era prefeito  de são paulo que ele apoiava o doi-codi  a operação alban ninguém atrás de  prender ele agora que ele está velho  lá com câncer andando de muleta e tal  agora o pessoal usa ele né como um  instrumento de manipulação para  destruir os direitos dos parlamentares  como eles estão fazendo não temos que  apoiar isso daí é totalmente absurdo  por mais que o maluf seja uma figura é  odiosa e é mesmo a figura de osman  furiosa do passado é comum porque ele  é odioso de muitos anos atrás e não  é de agora num  mas a esquerda se é maluf  vamos lá vamos crucificar o cara não  tem importância  citam pisoteando os direitos deles se  imaginem por exemplo vão tomar coisas  em abstrato falou que tem 86 anos está  com câncer não consegue nem andar  direito  uma pessoa com essas características  têm que a empresa não é absurdo sem  tamanho que ele fez  se ele tivesse sido preso sei lá na  época que ele era dirigir a ele apoiava  da quadra em são paulo seria uma coisa  agora prender o cidadão agora a mãe  que é aquela famosa história né é  dar um chute em cachorro morto  agora não vale mais nada e aí ao mesmo  tempo você ajuda né esses juízes  todos a pisotear o direito de todo mundo  ele não poderia ser preso porque o  deputado já começa por aí pela  própria lei brasileira que já é  bastante autoritária  ele teria que ser liberado tudo para ser  preso  é uma função do congresso nacional  mas aí passa por cima do direito de  todo mundo passou pelo direito passou  por cima do direito no maluf ninguém  fala nada e tal depois passa por cima do  direito dos outros como eles já estão  fazendo com várias outras pessoas elas  inclusive que a prisão de maluf é meio  assim é aquele negócio né pra criar o  clima para o julgamento do lula enfim no  janeiro  então de um ponto de vista geral do  ponto de vista de programa num ponto de  vista da política geral de um partido  que defende interesses da classe  trabalhadora  a questão da luta democrática é uma  questão chave  se você abandonar a luta aí não há  como você preparar o povo para derrubar  do do regime político burguês o estado  capitalista nem nada  como é que você vai fazer isso daí  que vai se esclarecer a população vai  ficar sempre mergulhada numa confusão  contra o que ela está lutando  exatamente aí que vigoram apenas as  reivindicações econômicas se abaixou  salários e luta mas e aí a luta  política que é a parte mais importante  da luta da classe operária como é que  fica  como é que a classe operária vai ser  introduzida na luta política na luta  contra o estado né na luta fundamental  para a emancipação da classe operária  não tem jeito  quer dizer o debate a pergunta que todo  mundo levanta aqui  se o lula deve não deve ser defendidos  e não só o lula como muitas outras  pessoas na medida em que ele é vítima  de arbitrariedades e perseguição e ele  a vítima  obviamente de uma perseguição  política  ele teria que ser defendida só por isso  e mais nada  quer dizer que todas as organizações  de esquerda  elas fracassam na tarefa de lutar contra  as arbitrariedades do estado  nós da causa operária tv queremos uma  tv que fica 24 horas no ar para rebater  todo o monopólio da imprensa golpista  para isso precisamos do dinheiro  precisamos da sua contribuição para  contribuir é só entrar no link que vai  aparecer aqui na descrição e contribui  com quanto puder e o quanto quiser  é isso aí