Universidade Marxista nº 67 - O Capital parte 3, com Rui Costa Pimenta

Olá a causa Operária TV Já possui o recurso de membros do nosso canal O que é isso  Nada mais é do que  Uma um recurso para você assim não nosso canal e ser um contribuinte mensal com apenas r$ 8  Você nos Ajuda a fortalecer esse canal revolucionário independente e socialista  Arruma aí para o 100 mil inscritos  Você agora além de ser inscrito além de nos ajudar a divulgar o canal de contribui  Em todas as formas você pode ser um membro  Além de contribuir participar também  Transmissões exclusivas que a gente vai liberar apenas para os membros e ainda você  Eu também participar de um sorteio para vir aqui nos nossos estúdios participar dos debates de alguns nossos pro  Você conhece bem os nossos problemas e mais enviaram portanto não perca tempo seja um membro  Contribua com a causa Operária TV e nos ajude a fortalecer essa imprensa  A nossa TV Operária revolucionária e também nos ajude a aumentar nossa programação para  Uma TV 24 horas por dia 7 dias por semana  Eu espero você como um membro da causa Operária TV Muito obrigado e  Contribua conosco  Combinado das ideias metodológicas e determinadas ideias conceitos e métodos  O que são importantes para entender o texto  Avenida que a gente for explicando  E esses problemas forem aparecendo  Nós vamos  Fazer um parentes  E vamos explicar o conceito  Em separado da exposição principal  Outra coisa também que é importante  Nós vamos seguir aqui na exposição o livro né  O nosso roteiro de Exposição vai ser exatamente a sequência que está no capital  Por que que nós vamos fazer assim porque justamente o que nós queremos  Peraí elementos  Para que a pessoa possa ela mesma ler o livro e compreender  Por isso eu também não vamos dar uma maior importância aquelas partes do Capital que são  Difícil de entender que é justamente o começo  Coisas que nós vamos ver hoje aqui  Meu próprio Marcos fala no prefácio do Capital que os  Os capítulos são  Onde a maioria das pessoas  Como é que se diz se atola e não consegue avançar para frente  Eu queria que vocês prestem bastante atenção porque o comecinho é mais complicado e depois da cor  Começa a ficar mais simples  Vamos procurar relacionar tudo e também com coisas que são conhecidas familiares para  E que fazem parte do cotidiano  No Capítulo 1  Marcos começa com análise da mercadoria  Uma coisa aqui que a bixa é amanhã uma explicação para eliminar porque que ele começa com a mercadoria  Não tá explicado aqui no capital  Tá certo  Mas Marcos explicou em vários outros textos o seguinte que em geral  Os economistas burgueses clássicos eles começavam com as totalidades  São o conjunto da riqueza nacional etc e tal  Fazendo uma análise metodológica Marcos chegou à conclusão  Que a exposição do problema da economia teria que partir da sua célula mais  Elementar para depois chegar no organismo todo  Resumo da explicação dos pequenos do dos componentes mais pequenos  Insignificantes aparentemente  É que você vai entender os componentes grandes então já vou  Aqui uma  Uma coisa que é para a gente ter em mente a medida que a gente vai estudando que é o seguinte  Marcos começa com a mercadoria que ele considera que é um átomo  Da sociedade capitalista Marcelo é um elemento componente  Da mercadoria né  Ele passa para o capital  Grosso modo né e do capital  Para a luta de classes  O grande objetivo do livro  Isso daí eu acho que é importante falar até para a gente não se confundir sobre o que que nós estamos estudando  Mostrar o funcionamento da sociedade capitalista que leva a um enfrentamento entre aspas  Sociais e portanto  A revolução  Tá certo esse é um livro  Na sua essência  No fundamental um livro que serve para explicar  A revolução proletária como o capitalismo conduz a revolução proletária  A tese fundamental do livro nós fazemos o seguinte  Qual que é a tese fundamental do litro  A tese fundamental do livro é  Analisando o setor da economia capitalista  Chegamos a conclusão de que a luta entre as classes sociais conduzem inevitável  A ditadura do proletariado e a revolução socialista  Nesse sentido o capital não é um livro tradicional da economia  O certo seria até um pouco  Uma ingenuidade acreditar que Marcos fosse escrever um Tratado de como administrar  A economia de um país  O problema dele é administrar a bagunça existente o problema dele é fundamentar  O movimento revolucionário da classe operária nesse sentido  O capitão é  Uma versão ampliada estendida  O Manifesto Comunista  No Manifesto Comunista Marx explica a luta de classes etc e tal de uma forma  Sumir daqui não aquele mostra através de uma análise que começa quase  Todo o desenvolvimento que leva a revolução socialista  Não é Evidente no livro porque Marcos Não Terminou o livro  Então quer dizer a parte final  Ela não foi escrita de fatos  Nós temos apenas alguns  Esboços  Mas logicamente que só pode ser esse o sentido do livro porque não estão falando aqui  Karl Marx  O homem que escreveu O Manifesto Comunista vai que ele iria perder o tempo dele para escrever aí  Uma descrição da sociedade capitalista por isso simplesmente não faz sentido nenhum da Claro  Não é só por isso analisando o livro A gente vê lá no amor  Fazer essa análise agora mas a gente vê que é esse  O sentido Geral do livro  Mais um comentário sobre esse problema né  Nós temos visto aí nós mesmo temos de batida isso daí de maneira insistente  A seguinte tese de que o socialismo não é inevitável  O socialismo seria apenas uma possibilidade  Tá certo pode ser que  A sociedade humana a humanidade evolui para o socialismo Mas de repente ela pode  No capitalismo quem sabe alguém inventa uma mistura de capitalismo que tem a pizza de dois  Flores meio capitalismo e socialismo né ou qualquer outra coisa  Esse daí logicamente que não faz sentido nenhum  Quando atribuído logicamente a marca porquê  Por que o capital é um livro que pretende explicar de maneira científica provando  Item por item  O movimento próprio da sociedade  Mostrando o que esse movimento ele é um movimento Lógico ele é regido por  E ele conduz a um determinado resultado  Esse resultado é o Socialismo  O próprio livro está estruturado dessa maneira quem acha que Marques  Não considerava que o socialismo fosse inevitável Isso é uma falsificação do Marxismo porque todos os  Sexta sincero que o socialismo é inevitável  Não leva em consideração o fato de que o principal livro de Marcos ele justamente está destinada a mostrar  Movimento que conduz ao socialismo  Tá certo  Então Marcos começa  Com aquilo que é mais básico mais simples né  A gente diria mais abstrato próprio Marcos  Em algum lugar usa essa palavra mas eu não vou explicar isso aqui agora  Quer dizer aquele elemento  Que contenham o mínimo  De de fatores de combinações de informação  O mais simples de todos se ele começa por aí para chegar  Com base  Na descrição das leis que regem esse movimento esse desenvolvimento  No mais complexo que é a luta política da classe operária movimento revolucionário da classe operária  Tá certo  Só para explicar porque que ele começou por aí né  Eu aviso vocês  Marcos fez o seguinte  O que que é a mercadoria  E começa a dar análise da mercadoria uma coisa extremamente simples  E como ela é extremamente simples  Ela é difícil de analisar  Porque quanto menos informação  Você tem para analisar mais complexa fica análise  É bem mais fácil você analisar um organismo composto com várias  Coisas onde você tem muita informação do que analisar uma coisa que não tem quase informação  A dificuldade que o pessoal a maioria das pessoas que vai ser o capital encontra  Na leitura do Capital Então vamos acompanhar aqui  O raciocínio do próprio Marcos ele diz o seguinte  Bom eu vou ler várias partes do Capital aqui porque eu acho que  A gente deve seguir se  Esse roteiro né  Preciso do seguinte a riqueza de todas as sociedades onde rege a produção capitalista  Configura-se em imensa acumulação de mercadorias  E a mercadoria isoladamente considerada é a forma elementar da riqueza  Investigação começa com a análise da mercadoria  Explicamos né a mercadoria antes de mais nada um objeto externo  Terno  Ao ser humano  Uma coisa que por suas propriedades satisfaz necessidades humanas  Seja qual for a natureza a origem delas provenham do estômago ou da Fantasia  Mas tá dizendo que tem um objeto uma coisa externa né  Que satisfaz determinado tipo de necessidade do ser humano é uma característica  Da própria mercadoria sem isso não é o que nós estamos tratando não é mercadoria  E que essa necessidade pode ser uma necessidade material fisiológica ou pode ser maneiro  Cidade  O que faz parte da subjetividade humana  Marcos considera aqui o seguinte que as necessidades da mente  Para o ser humano Elas têm  Uma importância parecida com as necessidades fisiológicas  Por exemplo se a gente pegar aqui  Uma  Vamos por uma laranja  Satisfaz uma determinada necessidade que acende a ingestão de alimento  Kit 230 se a gente pegar por outro lado  Tá certo  Esse lustre feio que tá aqui  Ele é feio assim porque alguém quis fazer um lustre muito bonito para as pessoa  Quer dizer já não é uma necessidade fisiológica  A gente poderia deixar a luz aí sem lustre feio  Mas o Lucas é feio tem a função de embelezar  A luz tá certo então por exemplo esse lustre  Puramente decorativo  É para dar né um lustre qualquer esse aqui não consegue realizar a tarefa  E para dar uma certa nobreza  Elegância para o lugar a nobreza do lugar Elegance uma coisa que parte da Fanta  A pessoa prefere humano uma lâmpada com luz de lâmpada sem o lustre  Assim como uma pessoa prefere uma casa com uma janela com vidro com  Quadrilha bem feita alguns gostos de janela de madeira e etc e tal  As pessoas colocam ladrilho no chão tudo bem que é mais prático ladrilho mas em grande medida  É um problema assim de maior  Beleza do ambiente  E você poderia viver com um ladrilho inferior a esse daí tá certo só para ilustrar  Da Fantasia  Aí ele disse o seguinte né  Uma coisa importante que a gente deve assinar lá ele fala depois mas eu vou falar já agora  Para que a mercadoria seja a mercadoria não basta que ela seja uma coisa que satisfaz as necessidades humanas  Ela precisa ser produzida  Para o mercado ou seja  Você produz uma coisa não para você mas para outras pessoas mercado  Tá certo  Então por exemplo  Não deixamos o exemplo vamos pegar a coisa  E aí Marcos assinale o seguinte que a mercadoria  Ela tem uma natureza dupla  Ela é por um lado o valor de um urso  Só que é uma expressão que é importante a gente  Se familiarizar com ela tá certo que que significa mercadoria valor de uso significa  Tem uma determinada utilidade  Então por exemplo um prato serve para você colocar a comida na hora de comer tem um monte de idade  Um fogão serve para fazer a comida um automóvel serve para se locomover  Tudo isso são mercadorias de quando são produzidas para o mercado  Porque elas são úteis para alguém aquilo que não é útil não pode ser mercadoria  Porque quem que vai se interessar por uma coisa que não tem utilidade nenhuma  Nem mesmo motilidade  Subjetiva Como por exemplo embelezam o ambiente  A mercadoria ela tem que ser um valor de uma característica fundamental da mercadoria que é o valor  E o outro aspecto da mercadoria  É que ela contém um valor  Aqui é que as coisas começam a ficar um pouco mais complexas né como explicar esse aqui  Onde é que a gente vê que a mercadoria Tem um valor  Lá tem um valor pelo fato  De que nós podemos trocar essa mercadoria por uma outra mercadoria quer dizer  Ela contém aí  Um valor determinado  Na sociedade tal como nos conhecemos  Todas as coisas são intercambiáveis comercializadas trocadas podem ser trocada  Eu posso trocar qualquer coisa por qualquer coisa numa determinada quantidade eu posso trocar  Metralhadoras dependendo da quantidade  X sabonetes igual a y metralhadoras posso trocar remédios  O que é um tipo de droga por cocaína que é uma droga digamos assim sem eufemisticamente foi  Tá certo isso daí mostra que elas têm um valor comum  E que a mercadoria se tem o valor  Agora O valor é uma coisa  Que ninguém vê  Eu nunca vi o valor de nada  Você pode pegar uma  Uma mercadoria suponhamos esse computador aqui desmontar o computador  Peça por peça e quebrar ainda todas as peças no meio você não vai encontrar o amor  O valor portanto não é uma propriedade material da mercadoria  Por isso que Marcos fala que  Ela tem uma dupla natureza  De um lado ela é uma coisa material útil  Satisfaz uma necessidade e outro lado é um valor eu posso nem tenho interesse na utilidade  Eu posso por exemplo  Ir algum lugar e comprar uma joia com o objetivo de trocar essa joia por uma outra mercado  Então para mim ela só o valor que eu uso para adquirir outras mercadorias  Tá certo  Só que o valor ele é uma coisa relativamente misteriosa  Por que ninguém sabe ninguém nunca viu  Você vê a manifestação do valor mas você não vê o valor ele mesmo  Vamos terminar de explicar o problema do valor e depois vamos fazer uma explicação sobre esse mistério aqui  Marques o seguinte né  Tomemos duas mercadorias trigo e ferro Qualquer que seja a proporção em que se troca  Possível sempre expressá-la com uma igualdade Em que data a quantidade de trigo  Iguala alguma quantidade de Ferro  Tá certo se a gente pegar qualquer mercadoria mercadoria 1  Tá certo  Igual  A mercadoria 2  Igual em que sentido numa  Determinada quantidade Tá certo  Da mercadoria 1 = n na mercadoria 2  Qualquer mercadoria que a gente pegar a gente pode fazer essa operação quer dizer  Existe entre as mercadorias uma  Igualdade  Um dos primeiros problemas fundamentais para compreensão do problema  O funcionamento da economia capitalista compreender de onde vem essa igualdade  Então primeiro você deve dizer o seguinte essa igualdade ela não vende nenhuma propriedade  Por que por exemplo trigo e ferro tem o quê em comum  Trigo é uma matéria orgânica vegetal  Água mineral  O trigo tem o seu peso específico  Ferro outro densidade diferente  Durabilidade diferente um serve para comer outro serve para  Construir máquinas outras coisas que a gente constrói com ferro  E assim por diante por mais que a gente pesquise nós vamos encontrar o que que  Limite  Que a gente possa trocar uma coisa pela outra que a gente possa colocar um sinal de igual  Como é que nós podemos colocar um sinal de igual  Para que a gente possa colocar esse sinal de igual  Elas têm que ter alguma coisa em comum  Tá certo a gente teria que dizer em algum momento  Ex de da mercadoria 1  É a e x da mercadoria 2 também é a  Tá certo porque você não pode fazer a seguinte fórmula  O que é totalmente lógica  A = b  Da Claro  Não é possível falar não  Isso é igual uma coisa totalmente diferente disso  Só podemos colocar em pé de igualdade nós só podemos equivaler coisas que são  O problema aqui é o seguinte qual o que que essas coisas tem igual tem de igual o que elas têm em comum  Elas têm em comum um fato  Que não é uma propriedade material  Social  É o fato de que todas elas  São resultado do trabalho humano  Por mais diferentes que elas sejam  Do ponto de vista da sua  Existência física da sua aparência das suas propriedades físicas  Elas foram produzidas por uma determinada quantidade de trabalho humano  Tá certo  Essa é a única coisa que elas têm em comum  Quando nós descermos  X da mercadoria 1 = n da mercadoria 2 nós estamos dizendo que amei  Dia 1 contém a  O trabalho humano e a mercadoria dois contém  A de trabalho humano ou seja a mesma quantidade igual de trabalho humano  Tá certo isso aqui é o nosso ponto de partida na  Na questão do estudo da economia vamos dar uma paradinha e vê se tem dúvidas e tal  Tá aí o microfone  Só uma pergunta de  Terminologia se esse valor e valor de troca  Mesma coisa que eu falei valor de troca não só não falei  Mas é a mesma coisa nós vamos explicar isso aí nós vamos almoçar por enquanto a palavra valor  Por que um dos um dos ossos que a gente tem que  Caminha estabelecer a diferença entre valor e valor de troca  Esse aí é um osso  Bastante dor o que tem no capital para roer vamos procurar tornassem o mais simples possível  Companheiros principalmente os companheiros que nunca viram esse daqui  Você não quer se questionar Por que aceitar esse aqui com tanta  Rapidez  E tanta tranquilidade é estranha não  Fala no microfone que nós estamos gravando  E também para ajudar o pessoal  Ouvir melhor  A quantidade de trabalho humano  Equivalência  Igualdade O que é  Que produzem esse valor das mercadorias  Seria somente o trabalho humano que seria a igualdade  Essa aí é a ideia que a gente tem que discutir  É exclusivamente o trabalho humano quantidade logicamente Ele trabalha não tô entrando no mérito  Vamos quanto que ficar tá certo o trabalho humano mas  Até essa daí E é isso que ele chama de trabalho humano abstrato  Trabalho em geral  Quando você falou do valor subjetivo ele é originado  Somente da mercadoria  Como assim a mercadoria existente falar o valor que eu dou para ela  Subjetivo é só para aquele valor  Próprio da mercadoria ou não não não não é que o valor que você dá para ela  O que foi dito antes o seguinte a utilidade utilidade beija bem  Valor de uso não valor  De uma determinada mercadoria pode ser para satisfazer uma necessidade física  Mas pode ser para satisfazer uma necessidade da Imaginação  Tá certo  Então acerta as coisas cujo valor  Físico  Belas é igual Mas o meu é mais bonita Pois é vamos pegar um caso  Se você tem todo  Uma  Uma carteira por exemplo Toda trabalhada  Então uma pessoa que prefere a carteira Toda trabalhada  Do que a outra carteira As duas são úteis igualmente tá certo o fato dela ser toda a trabalhar  Antonela mais útil  Pode ser que a outra até seja melhor dividida tem mais lugar para colocar o cartão de crédito e tal  Essa daqui é mais bonita  Então eu prefiro essa  Então eu vou pagar por isso por que me satisfaz  Numa necessidade de Ramos assim psicológica da minha fantasia da minha imaginação  Agora para você fazer uma carteira trabalhada Alguém precisa trabalhar o couro aí tem trabalho em inglês  Tá certo  Você vai pagar mais caro por essa carteira porque ela tem um valor maior do que a outra que é menos trabalhada  Como são exemplos para mostrar como é que é a coisa se você for comprar uma calça jeans  Tá certo  Se você comprar calça jeans comum ela custa X  Pode ser a calça jeans você vai melhorar rasgada que eu te vi o cara rasgou lá raspou ela no lugar  Amassou é mais aí é mais cara  Por que precisa de mais trabalho para casa pegar a calça do que para entregar a calça rasgada  Não é engraçado mas é  Para botar alguém para rasgar a calça lá que você não me não sai tem que pagar o salário desse cara tá certo  Vou ver se eu consigo formular a pergunta aí você mostrou dois exemplos  Diversos outros na laranja  E o Lúcio e o ferro na laranja se passa por um processo de agricultura tava todo o processo  A mesma coisa no lustre tem a fundição não sei o que tá até chegar no lustre mas por exemplo eu sou  Trabalhador que buscar uma pérola no fundo do celular 11  Ou então eu vou quebrar para tirar pepita de ouro etc  O mesmo conselho tá sendo colocado aqui também vai valer para esse tipo de serviço ou não  Você buscar uma pérola dentro de uma ostra no fundo do oceano  Quero um trabalho  Quero tem que mergulhar procurar  Extrair Jacinto procurar Ostra que tem a pérola  Tudo isso aí é trabalho físico inclusive  O Marcos ele analisa o capitalismo na sociedade  Beleza né E aí a gente tá estudando agora sobre isso aí mas aí a minha pergunta é o seguinte antes  Isso aí  Como é que era feita  É porque também existe a troca também existe a mercadoria no feudalismo e como é que se dava em  Nesse nesse processo  Anterior ao capitalismo a sociedade burguesa  Até nas sociedades mais primitivas  Quando o ser humano vivia do escambo  As sociedades  Em que a troca era feita assim ó tem uma tribo de Malucos ali de um lado e uma tribo  Malucos do outro aí o maluco dessa ter vinha deixava uma coisa que ele produziu ali  E o outro vinha olhava aquilo lá gostava deixava outra coisa  Ele só trocavam também se eles considerasse  Que havia uma equivalência E qual seria a equivalência eu tenho o trabalho  Empregado na elaboração daquela mercadoria  O que diferencia o capitalismo do  Das sociedades anteriores não é Ou o que constitui o valor da mercadoria são outras coisas  Que modificam muitas a relação  De valor né  Relação de valor é só é realmente acabada na sociedade capitalista  Só para eu quero formulário que eu entendi  O valor a qualidade atribuída ao mercado valor é uma qualidade atribuída ao mercado  Que não é física  Mas nem por isso não é real  Não ela é real e sim né eu estou dizendo não é física mas é real  E agora o que que faz então  Com que  Seja essa qualidade que não tem peso nem cheiro  E você é real  Eu trabalho  Que foi feita pelo trabalho Terminal da quantidade de trabalho   Essa então é essa que ela aí está a base da Igualdade porque todas  Ser trocada  Por que que tu é qualquer mercadoria pode ser trocada por outra que não tem nada a ver com trigo com o ferro por exemplo  Porque tem uma igualdade o valor então é uma igualdade  E a igualdade é o trabalho incorporado  É isso aí estamos todos acordos Não entendi a pergunta  Fazendo pergunta para ver se eu entendi tá certo é isso mesmo  Sobre as sociedades antigas  A utilidade não era mais do que a questão do trabalho os por se eles precisar  Sim de determinada coisa que Tivesse deixado  Essa utilidade não era  Maior do que a questão de quanto que gastou de trabalho  Daria para  Oi tá precisando  De Algum objeto que a outra sociedade deixou lá que você falou a sociedade  Deixavam sociedades não as primitivas  Então ele tava precisando  Sei lá de comida alguma coisa que no momento ele não teria escrevendo  Cabe uma explicação importante  Você está descrevendo uma situação limite  Lógico se eu tô morrendo de fome Eu tô morrendo de sede no deserto  Andando a seis dias e apareceu um cara com uma garrafa d'água  Eu sou capaz de pagar Sei lá r$ 500000 para essa garrafa dela porque a questão de sobrevivência  Mas é um caso  Muito excepcional no conjunto do Funcionamento social  Quando nós vamos elaborar  Uma exposição  Científica do fato nós temos que procurar  Elaborar a explicação padrão  E não  Baseado em exceções lógico  O quê  O mundo tem 7 bilhões de pessoas  Acontece muita coisa mas o padrão  O funcionamento de Campos assim normal habitual  É sobre a base da equivalência do trabalho  Claro uma pessoa numa situação limite é capaz de fazer qualquer coisa mas a situação limite  Muito excepcional  Então a gente deve  Como é que a gente não possa discutir mas tô dizendo  Para compreender nós temos que deixar situações-limite de fora  Se procurar analisar coisa no seu funcionamento regular normal  Esse é o método que o Marcos explica Então nesse sentido  O que nós estamos escrevendo aqui o que que é  É uma abstração da realidade  Isso significa o quê  Aqui de repente aqui seja o caso de introduzir uma ideia que ela é importante  O estudo do Capital em geral  Se bem que  Antes de introduzir uma vez tenha mais alguma dúvida eu falar sobre ele  O problema da abstração  Alguma dúvida ainda sobre esse problema valor de uso valor a equivalência ao trabalho  Nenhuma Dúvida companheiro  Pergunta dela poderia ser formulada de uma maneira diferente  Como nesse caso o limite que foi apresentado  A pessoa seguiu pela utilidade não será que a utilidade é uma forma  Definir em geral o valor das mercadorias  Quer dizer nesse caso  O valor não seria um elemento objetivo seria um elemento subjetivo  O que quer dizer objetivo-subjetivo ele não é um elemento que existe fora de nós  A mercadoria tá aqui a outra mercadoria tá aqui elas são equivalentes para mim se eu morrer  Duas pessoas três pessoas  Que vem aqui assim por dentro  Não depende de mim o valor não depende do meu interesse do meu gosto da utilidade  Por mim se a gente achar que é a utilidade da mercadoria nós estamos  De uma teoria subjetiva  A mercadoria não tem nenhum valor real  Depende do interesse que você tem na mercadoria  Existe inclusive uma escola quem inventou esse daí  Escola da teoria  Como é que chama  Me confundi  Do valor da utilidade Marginal  Isso logicamente que é um problema ruim é mal formulada falso já deu problema  Lógico porque se fosse assim  As mercadorias que trocariam arbitrariamente  Não importa o que que são essas mercadorias não importa o que elas são para determinadas pessoas  Qual seria a base  Do funcionamento da troca de mercadorias gigantesca que nós temos no capitalismo  Por que que uma mercadoria Tem um valor  Em um país outro país  Se tudo depende da subjetividade das pessoas  Por que a maior ou menor utilidade é puramente pessoal  Como a gente falou nesse caso extremo que ela tá morrendo de sede então para ele água  Tem uma atividade extraordinária  Exatamente não haveria como medir né cada mercadoria Tem um valor  Alterar a hora que ela pode ser comprada  Só que por exemplo se eu chegar numa loja  De automóveis importados  Pedir para o comprador para o vendedor mostrar a Ferrari  E falar eu quero pagar 10% do preço que eu não gosto da Ferrari você não vai assim  É isso aí ele vai definir o valor ele  Do ponto de vista do que ele acha que o carro vale não do ponto de vista do que ele acha que eu  Isso que a mercadoria Vale  Bom enquanto o pessoal Pensa aí o seguinte  Extrato né  Uma explicação Zinha básica de um conceito  O que é importante para compreender determinado as coisas do Marxismo  A ideia de abstrato  Ela se opõe  A ideia de concreto  Então por exemplo você ver todo mundo usa isso daí no dia a dia  Ah isso é muito abstratos e Concretos e abstratos e concretos então  Só que acontece o seguinte as pessoas usa-se lá em um sentido coloquial que a gente iria divulgar  De que é digamos assim a maneira como o povo ver a maioria das pessoas veem  Não uma maneira científica de Vera Cruz  Tá certo  De um ponto de vista científico  Nós temos que entender o seguinte que o abstrato  E o concreto em primeiro lugar  Ao contrário do que muita gente pensa  Eles são apenas  Níveis  Diferentes  Do pensamento  Como pensamento é sempre abstrato  Tá certo  Concreto e abstrato Não tô falando disso  Que o pensamento abstrato  Uma coisa que não nesse sentido não é  Uma realidade é uma uma formulação geral já vou explicar  Ele comporta níveis diferentes que são abstrato e concreto  Você sabe como eu falando concreto não tenho falando por exemplo com muita gente entende uma coisa  Material aqui essa madeira e concreta  E vamos supor  A ideia do socialismo é abstrata não é assim  Abstrato e concreto são ideias existem ideias abstratas e Concretas  Mais precisamente  Existe ideias mais Concretos e mais abstratas  Por que esses níveis Eles são muito variáveis também  Até que eu vou continuar explicando até aqui tá clara a ideia quer dizer são  Diferentes de pensamento de ideias  Não é a oposição entre a ideia e o mundo material da Claro  Eu não expliquei ainda o que é concreto abstrato só tô explicando  O que não é o concreto e abstrato que diz que muita gente pensa muita gente pensa assim  Caneta é concreta porque ela é material estou vendo ela uma coisa concreta não tem gente que faz  Não vamos fazer uma coisa concreta  Não tem essa expressão que muita gente usa uma linguagem vulgar  Você fazer uma coisa concreta seria por exemplo a gente se reunir lá e tocar fogo numa árvore uma coisa com que  São que produz um efeito material em vez de ficar discutindo por exemplo  Todo mundo já deve ter ouvido essa expressão isso daí é uma coisa puramente e coloquial  É uma  Uma concepção vulgar da palavra científicamente falando tanto abstrato  Concreto são ideias  Não são coisas que estão  No mundo material a ideia pode refletir essa coisa  Mas são ideias da claro isso daí  Se não tiver fala que eu tô olhando tô vendo muita cara de surpresa aí  E eu não sei se o pessoal tá entendendo  Tanto concreto como abstrato vão mostrar aqui  São ideias coisas que estão na nossa cabeça  Tá certo  No microfone  A questão concreta  E abstrata  Sim esse conceito tá colocando separando né Desse vulgar se tem uma questão que é vulgar  Quando eu folgar eu posso tá dizendo que uma madeira tocar fogo na árvore de seta dentro do vulgar  E você tá colocando aí dentro da concepção científica aí Os dois são ideia  A essa separação nesse sentido é isso os dois são ideias  Vamos avançar na explicação talvez fique mais claro  Vamos dar um exemplo aqui  Que ajuda a compreender esse daí  Curso porque nós temos aqui  Uma quantidade de árvores  Por exemplo  Pinheiro  Carvalho  Palmeira  E etc  Tá certo  Aí eu chego aqui para vocês e fala o seguinte Pinheiro Carvalho Palmeiras 7  São  Árvore  Da Claro  Quando eu faço essa operação mental que todo mundo faz o tempo todo que se não a gente não conseguiria pensar o que que eu estou fazendo  Eu estou produzindo uma abstração  O que significa o seguinte que eu estou traindo  Quer dizer suplemento retirando determinadas qualidades específicas  De um elemento para conseguir  Uma ideia geral desse elemento  Existe se a gente sair aqui e foi procurar no mundo real não existe  A árvore  Você já viu uma árvore que não fosse alguma outra coisa além de ser uma árvore  Se não fosse um Pinheiro Cajueiro um Carvalho é uma Palma  Nunca ninguém viu a árvore  Ela não existe no mundo material ela é uma ideia abstrata  Ela é uma ideia abstrata Mas é uma ideia abstrata que parte do mundo material  Essa ideia é árvore é uma ideia real é real  Por que todas as árvores Elas têm características em comum  Que levam a que a gente fale árvore  Aquela ali é uma árvore e a outra que tá do lado de calma árvore e assim por diante  Tá certo  Árvore é um conceito mais abstrato  Do quê Carvalho  Mais abstrato quer dizer vamos para se expressar de uma maneira compreensível  Sem usar uma terminologia mais complexa  A ideia de Pinheiro tem mais informação do que a ideia de árvore  Claro  Agora veja bem até aí é fácil de entender aqui um pouquinho mais complexo o Pinheiro  Existe o Pinheiro  O Pinheiro  Não o que existe são diferentes Pinheiros  P1 P2 p3 P4 até o cinco milhões  Tá certo  No final não chegamos O que é indivíduos  Por que nós temos um indivíduo  Não podemos escrever assim devido às suas características e etc e tal  Aí nós podemos dizer  Outro indivíduo aqui do lado tem características muito semelhantes a dele embora sejam diferentes  Os dois são  Homens  Tá certo  Mas aí tem a mulher  Aí forma-se a ideia de gênero humano de ser humano  É claro  No mundo real só existem mesmo materialmente  Fisicamente os indivíduos  Claro  Você pode chegar numa praia e falar que tem bilhões trilhões quatrilhões de grãos de areia  Nenhum vai ser igual ao outro  Você vê que os indivíduos eles são tão específicos  O ser humano consegue Will destacar um conjunto de informações dos seres humanos  O que torna um absolutamente impossível  Liga lá que eles ser humano a outro por exemplo impressão digital  A imagem da retina  Você não vai encontrar duas pessoas começa a impressão digital quer dizer cada indivíduo nesse sentido é uni  Esse Inclusive tem um lugar há muita especulação filosófica doida  É um é um abstrato mas é um abstrato e o real né  Não vou só para o interesse daqueles que tem interesse no assunto só vou mencionar  Escolas filosóficas que falaram que você fala em árvore por exemplo é metafísica  Quer dizer uma coisa que não existe no mundo  Como no mundo só existem mesmo os indivíduos as ideias abstratas são falsas  Tem muita discussão filosófica sobre isso vamos deixar de lado porque senão a gente entra  Daqui que você nunca mais vai sair  No nosso ponto de vista é assim tá certo Quer dizer  Se eu pegar essa árvore aqui  Primeira árvore  Tá certo  E fizer dela uma  Uma ideia  Que seja descritiva da árvore  Ela é uma ideia mais concreta do que essa aí do que aquela porque ela contém mais  Informação  Na linguagem filosófica a gente chamaria de determinações quer dizer  Coisas que influem na formação da cliente específico  Tá certo Por isso a famosa frase de Marx o concreto  É a síntese de múltiplas determinações  E quanto mais determinações mais concreto  Quanto mais concreto mais específico  Quanto menos  Informação quanto menos determinações mais abstratos vocês estão vendo que é graus  De concretude e abstração não é uma coisa fixa  Tá certo  Aí Alguém poderia perguntar mas qual que é a importância disso daí  A importância é muito grande e é aí que a maioria das pessoas por exemplo em política aonde  Aqui sem isso daqui a gente não deveria nem se aventurar no assunto  Essa ideia  Morre na praia  O melhor morre na praia do laguinho né nem que eles morrem na praia depois foi nadar na metade do oceano  300 falácias comum em relação a lógica dialética  Estados Unidos  É capitalista  Tá certo  Haiti  Também é capitalista  Portanto  Estados Unidos igual  Aí tá certo ou errado essa afirmação  Certo e errado Depende do que você tiver tentando transmitir  Você precisaria aí né  Dizer o seguinte  Num determinado nível de abstração  Aí tem Estados Unidos são iguais  Tá certo  Mas se a gente  Fazer ingressar no pensamento  Outras determinações  Por exemplo Estados Unidos  Capitalista  Desenvolvido ou plenamente desenvolvido  Haiti  Capitalista  Atrasado  Então aí  Haiti é diferente do Estados Unidos  Quer dizer  Por isso que Lenin quando ele falou da se referindo a política revolucionária ele falou  A verdade é concreta só o concreto  Verdadeiro  Como que concreto aí  O mais concreto do que o outro  Qual é o concreto de todos os concretos no caso da árvore  O concreto é um dois ou três  Será que a gente poderia continuar Tá certo  Vegetais  Vegetal  10 níveis de  Qual que é o concreto  Não  Aí é que tá  Não foi bom que você respondeu errado porque isso não  O concreto depende  Da totalidade  Do fato que nós estamos analisando  E depende do objetivo da análise  Por isso que a gente fala  Por isso que ele me falou a verdade é concreta só a verdade é concreta ele que ele quer dizer o seguinte que você quer  Formular um raciocínio concreto sobre política  Depende da totalidade da situação  Não vale você retirar uma fórmula do fundo do baú  Por exemplo Estados Unidos capitalista desenvolvido e Haiti capitalismo atrasado  E aí muitas mais determinações que o Brasil é um país capitalista atrasado e o Brasil não é igual a  É igual ele é igual  O concreto é a síntese de múltiplas determinações que estão relacionados  Totalidade  O que é determinada por um objetivo  Que o pensamento está vinculado ação em geral  E a dialética é uma teoria da ação  Eu estou  Veja aqui uma coisa interessante  O pastor falou a Cut é pelega  Falso verdadeiro  Tá certo  Aí ele fala assim nós somos a favor de uma política combatida embora a gente não leva muitas  Essa afirmação da parte do perfil vamos supor por um momento que eles têm o mesmo nessa política  Combativa não pelega  Tá certo  O que é pelego e você não é pelego  Que que você tá fazendo dentro da Cut  O problema é que a ideia que o pastel faz da Cut é uma ideia abstrata  Por quê  Yakult seja pelega é uma única determinações a outras determinações  Acute pelega direção mais mais propriamente a Cut é dirigida por uma burocracia para  Tá certo  Mas a Cut também  É a única Central Sindical que foi criada na luta dos Trabalhadores  A Luta dos trabalhadores é de dois Trabalhadores  Na luta de milhões de trabalhadores é a única não quer dizer a Cut é dirigida por um  Crescia pelega a Cut foi criada pela luta de milhões de trabalhadores  Tá certo  Acute  Lidera  O maior contingente de trabalhadores do país três coisas  Acute dirige todos os setores sindicais  Mais avançados do país Petroleiros Correios bancários  O mundo não é feito apenas por uma informação  E tu tudo aquilo que é  Só tem uma informação não coloca o conjunto das coisas pertinentes ao problema  Você está tentando resolver é abstrato ou não sentido negativo quer dizer carece  Informação de determinação  Isso leva fatalmente a políticas totalmente equivocada  Tudo fato político ele tem inúmeras determinações em volta dele  É preciso entender não a política que seja válida  Para todas as situações  Na verdade qualquer situação que muda Um milímetro para o lado  Só precisa ser  Reanalisado e você precisa fazer uma nova  Simples e concreto daquelas informações  Vamos ver vamos esclarecer isso aí bem  Pelo pouco que você explicou  A gente já tem uma tendência de já sair rasgando em cima de  Aquilo e aquilo e aí toma tubarões escorrega legal  Ou seja para mim dá uma opinião sobre esta primeiro tem que sentar o bumbum na cadeira e estudar para  E aí eu quero ir naquela discussão que  É que tem uma teoria revolucionária Você não tem o processo revolucionário algo do tipo eu posso ter falado errado mas assim  Se tiver alguma compreensão teórica das coisas e sua prática prática é muito comum falarmos para prática  Ele tem um tempão lá nos vidros  Hoje eu compreendo eu quero o sindicato  Essencialmente economicista aquele outro termos utilizando seja multado  Lutas sindicais  E às vezes dava opiniões e você escorregavam mas dentro daquela loja que eles levaram o sindicato  E hoje  Nessa luta aí me parece que fica muito difícil de ir embora não têm que ter medo não tem que ter  Quanto é que dá para prender não sou nenhuma né não conheço a obra de Marx et cetera mas que parece que é porque o negócio que você disse eu não sei  Estudar muito  A gente vai tomar escorregador como eu tomei agora uma buchada do cabelo ficou top mas eu tô no terceiro de filosofia achei de ser escolar  Escorreguei legal é isso mesmo é por aí  Habilidade do pensamento marxista está justamente no método  Outra frase de lênin que entendia muito bem do assunto Marques é o método  A dialética é um aspecto essencial do método marxista  A verdade verdadeira a seguinte que hoje em dia  Dada a complexidade da situação  Se você não tiver uma capacidade de pensar  Com uma lógica  Que tem a flexibilidade de cobrir a situação de fato adquire a sua concretude  Impossível de entender o que tá acontecendo  Você vai entender umas verdades  Gerais que não servem para nada né  A luta política por exemplo é muito complexo é muito fluida também sem essa saber Sat  Essa capacidade de acompanhar os acontecimentos mais de uma maneira científica  A pessoa descama rapidamente para O oportunismo ou para o sectarismo que é a posição de immobile  Diante de problemas que a pessoa não consegue encarar não consegue abarcar de um ponto de  Oportunistas sei lá mas vamos por aqui  Esse negócio de que é o movimento escema teoria puramente oportuni  Essa ideia de que o negócio  O fundamental é o movimento é uma teoria puramente oportunista  Isso é a própria definição de oportunismo quanto que dá um exemplo para mim  A diferença está relacionado com o problema da de elétrica do método entre oportunismo e sectarismo  Ele fala o seguinte que  O secretário ele se ver diante de um morreu uma corrente tal  E ele fica na marcha ele não entra na corrente caso ele não entra nos acontecimentos parte  Com medo de molhar os seus princípios que Deus princípio  Serve para o cara entrar na corrente e seguir um rumo dentro dessa corrente ele guarda os princípios fora  Da corrente da luta de classes e o oportunista e os entrevista  Tiro na água sem princípio nem o que quer dizer sem nenhuma boia sem nenhum mecanismo  Que permita você se orientar naquela corrente  São duas reações diante do que da incapaz  Cidade de analisar os acontecimentos e não são apenas analisar mas tirar conclusões  Práticas o que fazer porque a política é aquilo que você faz  A gente pode discutir muito mas no final das contas não tem que dizer o que a gente vai fazer nossa  Exemplo diante de toda a crise Nacional na fala homem Assembleia nacional constituinte  Nós estamos dizendo o que que tem que fazer a partir da nossa na área os outros não dizem nada  Vocês perceberam que ninguém diz nada toda esquerda Nacional não tem não tenho  A política diante dessa situação crítica que nós estamos devendo nenhuma  Isso sem falar na desorientação geral né quer dizer  Método você não consegue isso aí é lógico  Eu Fiquei totalmente